COMO SE FAZ UM RELATÓRIO

A consulta de um dicionário de Língua Portuguesa dá-nos a seguinte definição de relatório:
"exposição circunstanciada e objectiva, oral ou por escrito, daquilo que se viu, estudou, observou, analisou... "

Ao longo da tua vida académica e profissional, vais ter de produzir relatórios cujos objectivos são descrever situações, factos, actividades, comunicar um trabalho, uma pesquisa, um projecto desenvolvido. Para além do papel de comunicação que o relatório efectivamente tem, a sua elaboração permite uma análise crítica sobre o trabalho e a perspectivação da actividade futura. Daí que num relatório, não te possas limitar a descrever o que foi feito, mas como foi feito: deves registar os processos que te levaram a determinadas conclusões, as dificuldades sentidas, as hipóteses de trabalho levantadas, etc.

O professor avisa com antecedência o dia em que terás de apresentar o(s) relatório(s). Tens de reter dois aspectos muito importantes:
1 – Cumprimento do prazo – se entregas um relatório fora do prazo podes ser penalizado na avaliação. Na tua vida futura, pode até acontecer que o teu trabalho não seja aceite.

2 – Um relatório prepara-se com tempo. O conhecimento antecipado da data de entrega permite-te gerir o tempo da sua produção para que o documento final reflicta cuidado na apresentação e um conteúdo substancial, quer dizer, que reflicta de facto o teu trabalho.
Tipos de Relatório
No âmbito da AP vais ter de produzir diferentes tipos de relatórios:
1 - Relatório de actividade
2 - Relatório de desenvolvimento/processo
3 - Relatório do produto final
Vamos analisar os objectivos de cada um destes tipos de relatório e de seguida a estrutura que deves seguir para a sua elaboração.
1 - Relatório de actividade – o professor pode solicitar um relatório individual ou de grupo de uma iniciativa, de uma saída ou actividade de campo, de uma visita de estudo, de um conjunto de actividades produzidas num determinado período de tempo.
2 - Relatório de desenvolvimento/processo – está prevista a apresentação de um relatório do desenvolvimento do projecto em AP em dois momentos: * no fim do 1° período; * no Carnaval.
Contudo, o professor pode solicitar um relatório de desenvolvimento sempre que considere oportuno.
Os objectivos destes relatórios, também designados por relatórios de processo, são, entre outros, os seguintes:
  • permitem que o grupo e cada um dos seus elementos tome consciência do processo de execução do projecto e da participação de cada um;
  • ajudam a reflectir sobre as dificuldades e até bloqueios do projecto favorecendo a sua superação;
  • podem orientar a reformulação do projecto;
  • promovem a auto-avaliação;
  • constituem elementos de avaliação para o professor.
3 - Relatório do produto final – acompanha a apresentação do produto no fim do ano lectivo. O produto final é a concretização do projecto desenvolvido: integra a experiência do projecto.

Pode acontecer que ao longo do ano o professor solicite produtos do trabalho, e nesse caso, estás a apresentar um relatório de produto.
Em diferentes momentos terás de apresentar quer relatórios individuais, quer relatórios de grupo. A sua solicitação é geralmente acompanhada por um conjunto de instruções que te orientam na sua produção.
A estrutura de um relatório



Vamos apresentar-te um conjunto de elementos que poderás encarar como um guião para a elaboração de relatórios. Geralmente o relatório apresenta as seguintes partes: capa, índice, texto, anexos.

Capa
Na capa devem constar os seguintes elementos:
  • O nome da escola
  • O título (por exemplo. "Relatório do Trabalho de Projecto")
  • A tua identificação
  • A identificação do professor
  • A data
Apesar de a capa não ter registado o número de página, conta como página 1.

Índice
Na página 2 deves registar o índice, que tem como função apresentar a estrutura do relatório e a sua localização através do registo da página. Exemplo:
1 - Introdução .............................................. 3
2 - O carácter da Área de Projecto ................ 5
3 -............................................................... 7
4 - .............................................................. 11
5 - Bibliografia ............................................. 15
6 - Anexos .................................................. 17

Texto
Deves iniciar o teu texto com uma introdução em que justificas a razão de ser do relatório e os seus objectivos. Podes apresentar, brevemente, o plano do texto que produziste. No relatório, isto é no texto propriamente dito, identificas o objectivo do relatório, descreves o trabalho que realizaste, as metodologias utilizadas, os resultados e as dificuldades que encontraste, as questões que o trabalho suscitou.

Um relatório que se limite a descrever as actividades desenvolvidas é pobre: é a reflexão sobre as dificuldades que sentiste, a forma como as ultrapassaste, o modo como interagiste com os teus colegas e com outras pessoas com quem colaboraste que torna o teu relatório um documento único, porque reflecte a tua experiência pessoal. Mostra como organizaste e desenvolveste o trabalho e a tua contribuição para o grupo: integra, portanto, uma apreciação autocrítica do teu trabalho.

Deves incluir uma conclusão onde registes comentários finais, observações críticas e um balanço genérico da actividade ou do trabalho objecto do relatório.
No teu texto, há alguns aspectos éticos que deves respeitar:
  • só citar documentos selectivamente consultados;
  • citar as fontes a que recorreste, registando todos os dados que permitam a sua identificação;
  • ser rigoroso no registo dos dados e nos contactos que mantiveste;
  • ser autêntico na descrição das tuas experiências e na análise crítica que produzas.
Anexos
Nos anexos, deves integrar os documentos, gráficos, legislação, imagens, conforme o caso. Estes materiais devem ser numerados e a paginação deve continuar a do texto principal. Deves incluir também a bibliografia

Redacção e apresentação gráfica
No teu relatório, a forma como rediges tem muita importância.
Assim:
  • procura apresentar as tuas ideias de forma estruturada, com clareza e rigor;
  • as frases e os parágrafos não devem ser extensos;
  • a expressão deve ser correcta e clara. Procura fazer várias revisões para evitares erros ou frases mal construídas;
  • podes utilizar a primeira pessoa do singular ou a primeira do plural.
A apresentação gráfica do relatório é também relevante, devendo-se pautar pela descrição e pela regularidade. Apresentamos-te algumas sugestões:
  • tipo de letra: Deves escolher uma fonte que seja discreta e bem legível;
  • tamanho: os textos devem ter tamanho 12; as notas de rodapé devem ser escritas em tamanho 8;
  • os títulos devem ser escritos a bold (negrito), hierarquizados, isto é, usando diferentes tamanhos para os títulos e os subtítulos;
  • espaçamento – 1,5;
  • tipo de papel: A4 branco.
Avaliação do relatório

O teu professor de AP esclarecerá os critérios que terá em conta na avaliação.
Contudo, há alguns aspectos que são comuns à avaliação dos relatórios:

  • a organização do trabalho;
  • a descrição ordenada dos procedimentos;
  • a justificação das opções tomadas;
  • a organização das ideias e dos raciocínios; 
  • a clareza e correcção da linguagem utilizada;
  • a criatividade.

A título de exemplo, apresentamos dois modelos de relatórios.


RELATÓRIO DO 1° PERÍODO

O relatório que tens de apresentar para Área de Projecto é o primeiro. do ponto de vista formal. Informalmente, em diálogo com o professor ou com os teus colegas de grupo ou de turma, já produziste muitos relatórios informais. Reconheces afirmações como:

  • “Já percebo melhor o que se pretende com área de Projecto”;
  • “Não sabia que as consequências das faltas em AP eram tão graves”;
  • “Tenho tido problemas em aceder ao site x”;
  • “O tema que o meu grupo está a desenvolver dá mais trabalho do que imaginávamos”;
  • “Já sou capaz de organizar melhor as informações que recolho”;
  • “Já sou capaz de trabalhar melhor em equipa”.

Estas e muitas outras reflexões estão registadas, com certeza, no teu diário de bordo.
Tendo em conta o que acabámos de dizer e a orientação que tem sido desenvolvida na turma, propõe-se que elabores o teu relatório tendo em conta os seguintes itens:
  1. Analisar as expectativas em relação à AP.
  2. Reflectir sobre as mudanças que esta área exige e os desafios que coloca.
  3. Analisar as actividades que desenvolveste no âmbito das técnicas de investigação e das suas aplicações. Reflectir sobre as aprendizagens que fizeste.
  4. Descrever a forma como o tema foi escolhido e a sua relação com os teus interesses as tuas opções vocacionais e profissionais.
  5. A experiência do trabalho de grupo.
  6. Planificação do projecto.
  7. Perspectivas de trabalho.
O registo das dificuldades sentidas e a forma de as superar
Para elaborares o relatório irás recorrer aos diário de bordo, ao teu portefólio/dossier individual de projecto, onde tens os materiais organizados, aos registos pessoais que foste fazendo, à planificação das tarefas, etc.

Sem comentários:

Enviar um comentário